Como tirar o visto americano? Veja o processo completo!

Como tirar o visto americano? Veja o processo completo!

Estatua da liberdade Nova Iorque

Se você está planejando a primeira viagem para os Estados Unidos, saiba que ter um passaporte não é o suficiente. Para entrar no país, é necessário tirar o visto americano, um documento que confirma sua autorização para a viagem após a análise de diversos fatores.

Após reclamações sobre a demora no processo de solicitação e retirada do visto, algumas mudanças foram realizadas para diminuir o tempo de espera dos brasileiros. Apesar de ainda haver burocracias, ficou mais rápido e cômodo fazer seu pedido.

Com planejamento e um pouco de paciência para reunir os dados e documentos solicitados, você pode realizar o sonho de conhecer os EUA! Acompanhe o post da Happy Tours e saiba tudo sobre como tirar o visto americano no Brasil.

Quais são os tipos de visto americano?

tipos de visto

O site da Embaixada e Consulados dos EUA no Brasil apresenta uma lista com todos os tipos de visto permitidos para brasileiros, que podem ser divididos em dois grandes grupos:

  • Vistos de Imigrantes (estrangeiros que pretendem residir permanentemente nos Estados Unidos);
  • Vistos de Não Imigrantes (viagens temporárias para turismo, estudo, trabalho, entre outros).

O tipo de visto dependerá de fatores como o propósito da sua viagem e uma série de requisitos exigidos pela lei de imigração dos EUA. Antes de dar início ao processo, você precisa conferir se cumpre todas as exigências do tipo de visto que deseja.

Algumas das categorias de vistos mais comuns incluem:

  • Visto para passeio

visto para turismo

Esta categoria é ideal para turistas que desejam apenas conhecer o país, seja para viver a magia dos parques de Orlando ou aproveitar o verão nas melhores praias americanas. Com este tipo de visto é expressamente proibido estudar ou trabalhar durante a viagem.

Vale lembrar que a duração do visto é de 10 anos, mas o tempo de permanência no país é definido na imigração, já no aeroporto, e não costuma passar de 6 meses. Pode ser necessário comprovar o tempo de duração da viagem – tudo depende do oficial que irá te atender.

  • Visto para negócios

O visto de negócios não é, exatamente, um visto de trabalho – ele é válido para pessoas contratadas por empregadores não americanos. É preciso garantir que o trabalhador não irá ocupar a vaga de um americano, nem receber remuneração de empresas americanas.

  • Visto para estudantes

Há três tipos de vistos na categoria educação, cada uma com requisitos específicos:

  • ESTUDANTE – alunos aprovados em alguma instituição aceita pelo Serviço de Imigração, incluindo intercambistas;
  • ESTUDANTE VOCACIONAL – alunos que frequentarão alguma instituição acadêmica nos Estados Unidos;
  • INTERCÂMBIO – estudantes de pós-graduação, docentes temporários e alguns estagiários (intercambistas de graduação se encaixam na categoria “Estudante”, como dito antes).
  • Visitantes em trânsito

Quem está apenas de passagem pelo país, por causa de uma conexão, por exemplo, também precisa solicitar o visto.

Passo a passo para tirar o visto americano

Neste post, vamos focar no visto para não imigrantes, pensando em quem irá aos Estados Unidos a passeio, estudo ou trabalho. Veja como funciona o processo para tirar o visto:

1- Preencha o formulário de solicitação de visto

O formulário de visto DS-160 é a primeira etapa e uma das mais importantes, pois exige muita atenção. O site é todo escrito em inglês e suas respostas também devem estar nesta língua – se precisar, peça ajuda a alguém que saiba escrever bem.

Não podem haver erros ou divergências  de informações – antes de enviar, confira tudo novamente. Não se esqueça de salvar todas as etapas concluídas e o número do formulário. São muitos campos para preencher e você não vai querer começar tudo de novo caso a página expire ou a internet caia, por exemplo.

2- Realize o pagamento da taxa

Você deve verificar se há taxa e qual o valor de acordo com a categoria do seu visto. O pagamento é feito no site do agendamento e é necessário fazer um cadastro. É possível pagar com cartões de crédito, boleto bancário ou em dinheiro em uma agência do Citibank.

3- Agende sua visita ao Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV)

Você escolhe o dia e a hora em que poderá comparecer ao CASV com seus documentos, de acordo com a disponibilidade de atendimento do órgão e faz o agendamento on-line ou pelo call center. Para isso, você vai precisar do número do DS-160 e do recibo de pagamento da taxa.

Também é necessário realizar um cadastro antes de agendar e já escolher o local de entrega do passaporte com o visto. No centro, serão registradas suas impressões digitais e uma foto será tirada.

No site da embaixada é possível consultar os endereços dos centros. Muita gente precisa se deslocar para cumprir esta etapa do processo, então, fique atento para alinhar este agendamento com o próximo passo, que é a entrevista no consulado.

4- Agende a entrevista no consulado americano

Escolha algum dos consulados no Brasil, agende a visita (tente combinar as datas das duas visitas para não ter que fazer duas viagens) e compareça com os documentos necessários. Menores de 14 e maiores de 80 anos são dispensados desta etapa – a não ser quando solicitado pela embaixada.

Nesta etapa, muita gente fica nervoso ao imaginar as perguntas que serão feitas, mas fique tranquilo: basta responder com calma, clareza e sinceridade, de acordo com os dados preenchidos no formulário.

Quais os documentos necessários para tirar o visto americano?

Para a visita ao CASV, leve:

  • Seu passaporte;
  • O formulário DS-160 preenchido;
  • O comprovante de agendamento.

Para a entrevista no consulado:

  • Seu passaporte (e os anteriores, caso já tenha renovado);
  • O formulário DS-160 preenchido;
  • O comprovante de agendamento;
  • Duas fotos;
  • Comprovante de hospedagem;
  • Declaração de Imposto de Renda atual;
  • Extratos bancários e comprovantes de salário dos últimos três meses;
  • Documentos que variam de acordo com o visto, como: comprovante de matrícula, caso seja estudante; carta de custeio, se houver patrocínio; comprovante de emprego, caso vá para trabalhar.

O último passo é buscar ou receber o visto – é possível retirá-lo em um CASV ou recebê-lo em casa, com o pagamento de uma taxa de entrega. Você pode acompanhar o processo de entrega pelo site em que o formulário foi preenchido.

Depois disso, é só montar seu roteiro de viagem para os Estados Unidos, arrumar as malas e aproveitar seu passeio!

Alugar um carro na Happy Tours!

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.