Quer saber como viajar barato? Veja 10 dicas para economizar!

Quer saber como viajar barato? Veja 10 dicas para economizar!

moça com mochila sorrindo ciclovia

Em todas as redes sociais as pessoas parecem estar sempre viajando. Você já teve essa sensação? Isso não quer dizer, necessariamente, que elas têm muito dinheiro. Quem gosta de conhecer novos lugares consegue encontrar diversas maneiras para fazer uma viagem econômica.

Um bom planejamento e muita pesquisa são princípios essenciais para viajar barato!

Atualmente, existem muitos fatores que ajudam os viajantes a planejarem e executarem um roteiro low cost, ou seja, de baixo custo: as facilidades trazidas pela tecnologia, passagens de avião mais acessíveis, as novas formas de hospedagem…

Tudo isso contribuiu para que viajar não seja mais uma atividade de luxo reservada para uma vez ao ano, mas um hobby comum para muita gente. “Este ano eu quero viajar mais” se tornou um desejo em listas de ano novo.

Se identificou? Neste post da Happy Tours você encontrará o que faltava para tornar essa meta realidade: dicas imperdíveis sobre como viajar barato.

10 dicas para viajar sem gastar muito

acessórios para levar na viagem

1.Tenha um planejamento financeiro

A dica mais importante é planejar-se com antecedência e priorizar a viagem, ou seja, cortar gastos supérfluos por um tempo determinado. Calcule uma quantia para separar por mês e faça um “cofrinho” para armazenar o dinheiro extra – pode ser até o troco da padaria!

Tente pagar a viagem toda antes de embarcar, para não ficar refém do cartão de crédito. A sensação de pagar por algo que você já usufruiu pode ser frustrante e te desestimular a viajar no futuro.

2. Aproveite as promoções de passagens

Procure as passagens em modo anônimo (ctrl + shift + N) para que os sites não identifiquem sua busca – se você procurar muito um destino mostrará que está interessado e os sites podem acabar mostrando preços mais altos.

Ative o alerta de promoções ou preços mais baixos para o seu destino, nas datas desejadas. Assim, você receberá tudo direto no e-mail. Outra dica é realizar as buscas no começo da semana, durante a madrugada, pois há mais chances de se encontrar descontos.

3. Escolha datas menos concorridas

Se possível, evite a alta temporada (no Brasil, isso acontece durante o verão, de dezembro a março. Nos Estados Unidos e na Europa são os meses de julho e agosto). Programe-se para comprar as passagens e reservar a hospedagem com antecedência (um período de 4 meses se o lugar for muito turístico).

Caso a sua data seja flexível, pesquise diferentes possibilidade. Às vezes, é possível economizar muito dinheiro com apenas um ou dois dias de diferença ou optando por dias úteis em vez de fim de semana.

Evite, também, as épocas de eventos, campeonatos, datas comemorativas regionais e outros atrativos que possam encarecer ainda mais um local turístico (as finais de competições esportivas em lugares que são famosos por isso são um exemplo). Dessa forma você também evita filas nos locais públicos.

4. Diminua sua bagagem

Leve o mínimo de malas possível para não ter que despachar a bagagem ou pagar excesso. Fique atento às medidas e ao peso permitidos por cada companhia. Assim, você também economiza na hora de comprar lembrancinhas e presentes, pois não terá espaço para trazer muitos produtos.

5. Utilize uma hospedagem alternativa

Economize na hospedagem optando por quartos compartilhado em hostel ou dividindo um quarto privativo com o companheiro ou amigos. Você também pode garantir um quarto – se estiver viajando sozinho – ou uma casa, caso esteja em grupo, em um site de aluguel de imóveis.

Também há a opção de couchsurfing, onde moradores locais permitem que os viajantes durmam no sofá de casa gratuitamente. Além disso, você pode trocar seu trabalho ou alguma habilidade que queira desenvolver por hospedagem por meio de sites especializados.

6. Cozinhe mais, compre menos

Optando pelos meios de hospedagem citados, você pode usar a cozinha do espaço para economizar com as refeições. Comprar ingredientes no mercado sai mais barato do que comer em restaurantes o dia todo, todos os dias – principalmente à noite, já que o jantar costuma ser mais caro que as outras refeições.

Aproveite para levar lanches nos passeios durante o dia (como frutas e sanduíches). Compre um galão de água para ir reabastecendo no local de hospedagem e uma garrafa menor, para levar nos passeios.

7. Economize no transporte

metro com dois trens estado unidos

Na Europa, é possível economizar viajando em trens. No Brasil, os ônibus interestaduais e intermunicipais podem ser uma boa opção. Você também pode usar o transporte público ou uma bicicleta para andar pela cidade.

No entanto, a melhor dica para viajantes independentes, famílias ou grupos de amigos é o aluguel de carros. Esta alternativa é econômica, prática e confortável e permite a locomoção tanto dentro da cidade quanto pela região. Imagine poder conhecer mais lugares com mais economia?

Se a viagem for coletiva, ainda há a vantagem de dividir o valor entre as pessoas. Fica mais barato e proporciona maior controle do roteiro – vocês decidem a duração de cada passeio. Também é uma opção para passar a noite, caso o trajeto seja longo e vocês precisem descansar por um tempo.

Leia mais: 5 cidades dos EUA para conhecer de carro!

8. Elabore um roteiro da viagem

Otimize seu roteiro para conhecer várias atrações próximas umas das outras no mesmo dia, economizando no transporte – ou na gasolina, no caso do aluguel de carro. Analise o que vale mais a pena: se hospedar próximo ao centro turístico e pagar mais, mas economizar no locomoção ou fazer o contrário.

9. Aproveite as atividades gratuitas (e todos os descontos possíveis)

Faça tours de colaboração voluntária (os free walking tours), peça dicas para os moradores da cidade, descubra os dias de entrada gratuita nos museus, aproveite as promoções em bares e restaurantes e as entradas mais baratas em casas de show até determinado horário.

10. Faça da tecnologia sua aliada

Use a tecnologia e a internet a seu favor: baixe aplicativos de descontos coletivos e aproveite as promoções em deliverys de comida. Abuse do Google Maps para visitar diversos locais a pé, identificar trajetos mais rápidos quando estiver de carro, e procurar  lugares úteis próximos à sua hospedagem, como mercados, bancos e farmácias.

Utilizar um aplicativo (ou mesmo uma agenda) para controlar seus gastos antes e durante a viagem é uma dica de ouro. Dessa forma, você tem visibilidade e não extrapola o orçamento previsto.

Esperamos que essas dicas tenham sido úteis e que você já esteja planejando sua próxima viagem! Conhecer o mundo é um dos melhores investimentos que você pode fazer.

Alugar um carro na Happy Tours!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *